A Cigarra e a Formiga do Tele-Marketing. 

Uma cigarrinha que cantava muito, decidiu gravar um disco. Chamou outras cigarrinhas
para serem sua banda de apoio, pagou todo mundo pra ensaiar, pré-produzir e gravar suas músicas.

Então foi atrás de um estúdio, onde reservou horas com um produtor e começou a gravar. 
Ao longo de uns 3 meses, o suadinho dinheiro da Cigarra ( que cantava toda noite para besouros bêbados ao redor da luz da praça ) foi investido nesse disquinho que teve sua prensagem na zona franca dos Insetos, e capa assinada por uma famosa aranha, que fazia design de discos de insetos de sucesso. Feito isso, a cigarrinha ( que continuou com seu violão e voz ) passou a pedir pra galera comprar seu disco, mas ninguém comprava, porque afinal:

No mundo dos insetos é assim: a música TEM que ser de graça, afinal, cigarra mercenária ninguém merece.

Aí, um dia, uma formiga que trabalhava num jornal impresso de grande circulação ligou pra cigarrinha logo cedo pela manhã. "Bom dia dona Cigarra. Você gostaria de receber gratuitamente um mês da assinatura do nosso jornal? A senhora ainda vai ganhar um brinde fantástico", disse a formiga do tele-marketing. 

"Mas eu não preciso pagar nada mesmo?" indagou a cigarrinha, toda animada. "Não senhora! A única coisa que a senhora vai precisar pagar é o valor da produção do jornal, que não conseguimos dar de graça, infelizmente!", respondeu a formiga.

Aí a Cigarrinha teve uma ideia e viu a oportunidade da sua vida: "Poxa que legal! Já que vocês querem me vender a produção do seu jornal, porque afinal, custa caro pra imprimir, façamos o seguinte: eu dou uma edição do meu disco todos os dias para vocês. Basta que vocês paguem aquelas horinhas de pré-produção, os músicos que contratei, as horas de gravação! O que acham? SAI QUASE DE GRAÇA, e..." - Tu tu tu tu tu - caiu a ligação e a cigarrinha ficou sem receber o jornal e sem vender seu CD...


Mas o que isso tem haver com aulas de bateria?!

TUDO! Esta é uma grande lição para a vida de qualquer músico. Afinal, acima de tudo, fazemos música e é bom você estar preparado para esta realidade: as pessoas esperam ganhar seu produto.

Você pode discordar disso, assim como eu, mas infelizmente é assim que o mercado musical se encontra atualmente.

Como ganhar com música, então? Faça shows com sua banda, grave para quantas bandas puder, planeje aulas, workshops, material extra de merchandising (camisetas, canecas, chaveiros, e até mesmo [pasme!] discos, afinal, vai que vende?) para ter uma renda extra, pois o principal, a MÚSICA, está com a moral baixa.

Boa sorte para todos nós.

Gilson Naspolini

1 Comment